H@ vida depois dos 60

…com pensamento, opinião e poesia em doses homeopáticas…

sonhando alentos

submersão remete aos oceanos
mas só espero o silêncio da madrugada
e os cálidos sons que dela emana
não quero vasculhar os sentimentos
confusos, submersos, irreais
não quero nada demais
exceto descansar algumas dores
aliviar de uma saudade sorrateira
que se instalou ligeira
e não vai querer me libertar
esse sentimento é velho conhecido
que me visita às vésperas dos natais
me envolve com sua melancolia
não faço nada além de suspirar
suspiros casuais, suspiros matinais
suspiros marginais
suspiros que me impedem respirar
olho ao longe e nada vislumbro
nossos passos se perderam
e ficamos cheios de desencontros
e desencantos de tristeza lânguida
fecho os olhos um instante
mergulho no mais secreto de mim
antes do natal, antes do reveillon
antes de uma nova manhã
preciso reviver o meu elã
preciso equilibrar essa tontura
fugir das fantasias da loucura
e em sonhos natalinos mergulhar…

pensado por Tarciso Comente   

Comente

Favor preencher seus dados e comentar abaixo.
Nome
Email
endereço de seu blog
seu comentário